quarta-feira, 31 de julho de 2013

FELIZ DIA DO ORGASMO!!!

FELIZ DIA DO ORGASMO!!! Aproveite e comemore sem moderação!!! Hehehehehehe


Paulo Miklos Desabafa Sobre a Morte da Mulher: "Meu Amor de Toda a Vida"


rachel salem paulo miklosReprodução/Facebook
Músico Paulo Miklos postou uma foto ao lado da amada Rachel Salem
O músico Paulo Miklos, da banda Titãs, lamentou no Facebook a morte da mulher Rachel Salem, na última terça-feira (23). 

Miklos desabafou em um comentário postado na rede social na madrugada desta quarta-feira (31). 

— No coração sinto a dor da ausência da minha Rachel. Sei que nunca mais vou preencher este vazio, mas na alma descubro a plenitude de ter vivido um amor completo e eterno. Meu amor de toda a vida, Rachel Salem.

Rachel estava casada há mais de 30 anos com o vocalista dos Titãs e com ele teve uma filha, Manoela.

Rachel lutava contra um câncer e estava internada. Pelo Facebook, ela comentava sobre sessões de quimioterapia, sempre com mensagens positivas e com muito carinho ao marido e à filha.
rachel salem paulo miklos
Paulo Miklos desabafa sobre a morte da mulher; Página confirmava a morte de Rachel Salem, na semana passada
(Foto: Montagem R7/ Reprodução/Facebook)

Mau Humor Constante é Mau Amor à Vida!!!

Delírios de Mim Mesma!!!


Tem gente com graduação em mau humor, pós-graduação em grosseria, mestrado em estupidez e está se formando doutor em repelir pessoas... Tudo bem profissional!!!

E eu??? Bem, eu prefiro o riso fácil, a conversa mole e a felicidade em todo o momento, pra quando precisar passar por períodos turbulentos me reservar ao direito de me entristecer, de me irritar, de me estressar, mas sabendo que sempre vai passar e meu sorriso vai voltar!!!

Mau humor constante é mau amor à vida!!!

Minha Renovação.

Delírios de Mim Mesma!!!


Hoje e somente hoje, depois de ter vivido na noite de ontem uma dolorosa experiência, onde tive que abrir mão do meu orgulho e liberar perdão, é que posso dizer que sou uma pessoa melhor!!!

Ainda não estou certa se meu perdão foi de fato à maneira que o Cristo ensinou, isso só o tempo poderá me revelar, mas acredito nele, pela dor e sofrimento que senti pra enfim liberá-lo. A luta travada entre as milhares de mim, me fez lembrar a lenda da Renovação da Águia que compartilho com vocês!!!

Ainda prefiro aprender sem sentir tanta dor, mas precisei passar por ela pra dar valor a todo processo de aprendizagem.

RENOVAÇÃO DA ÁGUIA!!!!

A águia é a ave que possui a maior longevidade da espécie. Chega a viver 70 anos. Mas, para chegar a essa idade, aos 40 anos ela tem que tomar uma séria e difícil decisão.

Aos 40 anos está com as unhas compridas e flexíveis, não consegue mais agarrar as suas presas das quais se alimenta. O bico alongado e pontiagudo se curva. Apontando contra o peito estão as asas, envelhecidas e pesadas em função da grossura das penas, e voar já é tão difícil! 

Então, a águia só tem duas alternativas: morrer... ou enfrentar um dolorido processo de renovação que irá durar 150 dias. Esse processo consiste em voar para o alto de uma montanha e se recolher em um ninho próximo a um paredão onde ela não necessite voar. Então, após encontrar esse lugar, a águia começa a bater com o bico em uma parede até conseguir arrancá-lo, sem contar a dor que irá ter que suportar. Após arrancá-lo, espera nascer um novo bico, com o qual vai depois arrancar as suas velhas unhas.Quando as novas unhas começam a nascer, ela passa a arrancar as velhas penas. E só após cinco meses sai para o famoso voo de renovação e para viver então mais 30 anos.

Em nossa vida, muitas vezes, temos de nos resguardar por algum tempo e começar um processo de renovação. Para que continuemos a voar um voo de vitória, devemos nos desprender de lembranças, costumes, e outras coisas que impedem nossa vida e nossos voos.

Somente livres do peso do passado, poderemos aproveitar o resultado valioso que uma renovação sempre traz.

terça-feira, 30 de julho de 2013

Serviços Viciados.

Delírios de Mim Mesma!!!



Depois de muita observação sobre muita coisa, cheguei a conclusão de que até bem pouco tempo a preocupação dos novos gestores ao assumir uma pasta, era ter que enfrentar uma equipe antiga, viciada e sem compromisso com a renovação. Hoje virou a face da moeda e muitas equipes têm que lidar com gestores antigos e viciados em sua arrogante superioridade, nos mostrando que o sistema precisa de uma urgente renovação.

Esgotamento Mental Não é Frescura; Saiba Como Combater o Problema.


  • Às vezes o cansaço mental é tanto que é sentido fisicamente, com dores pelo corpo, dores de cabeça e até mesmo problemas gastrointestinais como gastrites e úlceras
    Às vezes o cansaço mental é tanto que é sentido fisicamente, com dores pelo corpo, dores de cabeça e até mesmo problemas gastrointestinais como gastrites e úlceras
Depois de andar para lá e para cá o dia inteiro, trabalhar, ir à academia, fazer compras no mercado, seu corpo está esgotado e precisa de um descanso. Seu cérebro também. Muitas vezes não nos damos conta que, após um intenso trabalho intelectual, o cérebro também fica "cansado", e também precisa de um tempo para relaxar. Ignorar essa necessidade pode causar uma série de problemas.

No mundo moderno, em que uma grande parcela da população trabalha em frente a um computador, e em que cada vez mais se exige pensamento rápido, criatividade e empreendedorismo, é muito fácil deixar o cérebro "cansado". Além disso, muitas vezes exige-se que ele trabalhe com energia total por períodos muito longos. "Podemos dizer que o excesso de demanda da química necessária para manter o corpo e a mente ativados se 'esgotam' em algum momento", alerta Sergio Klepacz, psiquiatra do Hospital Samaritano de São Paulo.

Ele explica que essa química é composta por hormônios e neurotransmissores como cortisol (um dos grandes responsáveis pela preparação do organismo para os enfrentamentos dos desafios do dia a dia e das situações de perigo) e  noradrenalina (neurotransmissor responsável pela sensação de motivação e também da atenção).

"Vários estudos mostram queda nessas substâncias durante esses períodos de estafa", diz. Por isso, as consequências mais imediatas são falta de atenção, dificuldade de memória, perda de concentração, pensamento mais lento, desânimo, alterações no sono e, é claro, cansaço – excessivo e crônico.

Às vezes o cansaço é tanto que é sentido fisicamente, com dores no corpo, dores de cabeça e até problemas gastrointestinais, como gastrites e úlceras. Por isso muitos pesquisadores afirmam que o esgotamento mental pode ser até mesmo mais grave do que o físico, pois pode causar danos tanto corporais como emocionais. Outro perigo é que muitas vezes ele é ignorado; então o cansaço se acumula e as consequências se agravam.

Jovem Realiza Casamento de Mentira Para Realizar Sonho do Pai Que Tem Câncer Terminal.

LIFESTYLE.

fonte: reprodução
Rachel Wolf, de Auburn, Canadá, não tinha casamento em seus planos e sequer um namorado, mas mesmo assim resolveu fazer uma cerimônia de mentirinha para ter a chance de realizar o grande sonho de seu pai, James Wolf. 

Com câncer terminal e sem muito tempo de vida pela frente, ele sempre sonhou em caminhar ao lado da filha na igreja e de dançar com ela na festa. Por isso Rachel criou o casamento para compartilhar este momento tão especial com seu pai.

Rachel preparou tudo em apenas dez dias e teve ajuda de todo bairro para que tudo saísse perfeito. Com direito a vestido de noiva perfeito, limusine e com presença de toda família, amigos e até de desconhecidos que se solidarizaram com a situação, a cerimônia aconteceu.

segunda-feira, 29 de julho de 2013

Líderes e Líderes.

Delírios de Mim Mesma!!!

E o Papa Francisco tem se mostrado um verdadeiro líder religioso.


Personagens de Desenho em Versão Realista.

Como Deixamos Vazar Informações Privadas.


Foi em Tóquio. Apresento uma jovem cientista japonesa a um amigo: "Como vocês irão para o congresso em Kyoto, talvez Omuro possa te mostrar os templos budistas". Os olhos de meu amigo, que encaravam a jovem, se desviaram por uma fração de segundo para as mãos delicadas. Bastou eles voltarem para a face, e ela, que não usava aliança, respondeu: "Pena que meu marido não vai me acompanhar". Por meio de um simples olhar ele havia deixado vazar uma grande quantidade de informação que foi captada e utilizada por Omuro.

Com pequenos atos, deixamos escapar involuntariamente informações que consideramos privadas. Captar essa informação e fazer uso dela é uma arte antiga. A novidade é que hoje deixamos um rastro enorme de informações digitais. Será possível usar essa informação para descobrir pensamentos e características pessoais? Um novo estudo demonstrou que é possível descobrir, com grande probabilidade de acerto, informações privadas simplesmente analisando os "likes" de uma pessoa no Facebook.

A internet está coalhada de pequenas mãos com o polegar para cima. São os "likes" - "curtir" ou "recomendar" - do Facebook. Quando um usuário do Facebook clica nesses ícones, demonstra apreciação ou aprovação. Essa informação é recebida por seus amigos, pelos donos da página e pelo próprio Facebook. Sua escolha se torna pública. Se você "curte" um carro, todos sabem que você gostou daquele veículo.

O que mais é possível deduzir com base nas "curtidas" de uma pessoa? É possível saber sua preferencia sexual, se seus pais se separaram, seu QI?

Cientistas convenceram 58.466 voluntários que utilizam o Facebook nos EUA a responder centenas de perguntas pessoais sobre assuntos particulares, como consumo de drogas e álcool, religião, política, preferencias sexuais, fidelidade conjugal e vida familiar. Além disso, o QI desses voluntários foi medido e suas características psicológicas foram determinadas. Também foram coletados todos os "likes" difundidos por cada um desses indivíduos.

Depois, os cientistas correlacionaram o conteúdo dos "likes" às características individuais, construindo enormes tabelas que relacionavam as características pessoais com os termos associados aos "likes". Descobriram que a palavra "dança" é mais escolhida por pessoas extrovertidas e "videogames", por introvertidos. Que "Harley-Davidson" está levemente associada a um QI baixo e "tempestades", a pessoas com QI mais alto. Foram feitas associações desse tipo com milhares de palavras para cada uma de dezenas de características. Muitas delas parecem óbvias, mas outras, como batata frita estar associada a pessoas de QI mais alto, Hillary com pessoas que têm muitos amigos e Yahoo com mulheres heterossexuais não são tão óbvias.

Feitas as associações entre palavras ou frases e características pessoais declaradas, os cientistas construíram um modelo matemático que usa os "likes" públicos para descobrir informações privadas. Cada uma das associações por si só não tem um alto poder preditivo (eu uso o Yahoo e não sou uma mulher heterossexual), mas, quando analisadas em conjunto, são capaz de fazer previsões precisas sobre comportamentos e características individuais.

Os resultados mostram que é possível, usando só os "likes" de um usuário do Facebook, saber seu sexo, idade, preferencia sexual, se é emocionalmente estável, seu QI, se fuma, bebe ou se droga, se é democrata ou republicano, se seus pais se separaram antes dele ter 21 anos, se é fiel, e dezenas de outros atributos pessoais. A previsão é mais confiável quanto mais a pessoa dá "likes". É claro também que o grau de confiança nessas previsões com o tema avaliado. Além disso, a previsão só é possível para os usuários americanos do Facebook, pois as associações dependem da cultura de cada país.

Os pesquisadores publicaram os resultados e criaram o site www.youarewhatyoulike.org, em que você pode logar com sua identidade no Facebook. Usando os dados de seus "likes", o site prediz suas características. Todos que usaram dizem que o resultado é impressionante.

Esses resultados demonstram o que muita gente suspeitava. A cada clique, deixamos vazar um pouco de nossa intimidade. Como fazemos isso dezenas de vezes por dia, ao longo de muitos anos, basta estatísticos competentes e um computador para juntar todas essas microdicas e, com elas, descobrir informações que guardamos a sete chaves tentando preservar nossa intimidade.

* FERNANDO REINACH É BIÓLOGO.
MAIS INFORMAÇÕES: PRIVATE TRAITS AND ATRIBUTES ARE PREDICTABLE FROM DIGITAL RECORDS OF HUMAN BEHAVIOR. PROC. NAT. ACAD. SCI. VOL. 110 PAG. 5802 2013.

"Prefiro o Inferno a um Paraíso Homofóbico", Diz Nobel da Paz e Líder Religioso Africano.


Desmond Tutu, um dos principais ativistas na luta contra o apartheid, participa de campanha internacional da ONU pela comunidade LGBT.

Wikimedia Commons
O ex-arcebispo da Igreja Anglicana da Cidade do Cabo, Desmond Tutu, um dos principais ativistas dos direitos humanos no continente africano, fez uma importante defesa pelos direitos da comunidade LGBT (Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis, Transexuais e Transgêneros) no mundo.

Durante evento na ONU (Organização das Nações Unidas) na África do Sul em defesa da diversidade sexual, Tutu, vencedor do Prêmio Nobel da Paz em 1984 por sua atuação contra o apartheid,  afirmou que prefere “o inferno do que um paraíso homofóbico”.

“Eu não veneraria um Deus que fosse homofóbico e é assim que me sinto para falar sobre isso”, afirmou. “Eu me recusaria a entrar em um paraíso homofóbico. Chegaria lá e diria: ‘sinto muito’, prefiro ir para ‘o outro lugar’”. Tutu também fez pesadas críticas a religiões e líderes espirituais que discriminam pessoas por suas opções sexuais.

O evento, ocorrido na última sexta-feira (26/07) na Cidade do Cabo, contou também com a presença do secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, e da alta comissária para os direitos humanos, Navi Pillay, no lançamento de uma campanha em defesa da comunidade LGBT pelo mundo. Pillay lembrou que 76 países criminalizam as relações entre pessoas do mesmo sexo. As punições, nesses locais, variam desde sentenças de prisão à execução, o “que se constitui em clara violação aos direitos humanos básicos”.

“Estou tão engajado nesta campanha como sempre estive na luta contra o apartheid. Para mim, ambas estão no mesmo nível”, disse Tutu, que se aposentou recentemente.
 


sexta-feira, 26 de julho de 2013

Espinho e Flor.

Delírios de Mim Mesma!!!


Dormir no Final de Semana Compensa o Sono Perdido? Veja a Resposta.


A falta de sono - ou de tempo para dormir - é um problema que atinge famosos e anônimos. Conversamos com um especialista e conseguimos uma dica valiosa: dá para recuperar o tempo perdido no final de semana. Confira!


Foto: Se você não dormiu bem durante a semana, faça isso no fim de semana. Saiba o por que as noites de sono são tão importantes / Crédito: Shutterstock
Dormir no final de semana compensa o sono perdido? Veja a resposta
Inúmeros motivos podem levar à insônia - inclusive a falta de tempo, que é recorrente na vida dos famosos. Porém, é preciso fazer uma forcinha para dormir e evitar todos os danos que a falta de repouso pode causar, como aumento de peso, fraqueza e envelhecimento precoce. Mas, se não der para dormir mesmo, tudo bem. Dá para recuperar o sono perdido no final de semana.
A idade determina a quantidade de horas de sono necessária para ter uma rotina saudável. “As crianças precisam dormir até dez horas por dia. Os adultos jovens (entre 20 e 40 anos) tem que repousar por oito horas. Depois dos 40, basta dormir sete horas por noite. E por fim, na terceira idade (acima dos 60 anos), são necessárias seis horas de sono”, comenta o neurologista Shigueo Yonekura, diretor do Instituto de Medicina e Sono de Campinas. Se por uma noite não foi possível dormir pelo tempo ideal, dá para equilibrar o prejuízo depois. “A pessoa pode passar mais horas dormindo no final de semana, por exemplo, para recuperar as energias e o tempo perdido durante a semana”, diz Yonekura. Também é possível agir de forma preventiva. “Se eu sei que vou dormir pouco amanhã, passo mais tempo dormindo hoje”, exemplifica o neurologista.
Dormir bem é tão importante para a sobrevivência humana quanto comer e beber água. Um estudo realizado pela Universidade de Warwick, do Reino Unido, em colaboração com a Universidade de Medicina Frederico 2º, na Itália, afirma que pessoas que dormem menos de seis horas por dia têm 12% de chances de morrer antes de completar 65 anos. “A falta de sono diminui a expectativa de vida porque afeta a produção de hormônios, aumenta a irritabilidade e o stress, além de prejudicar a memória e a concentração”, afirma o neurologista.
Uma noite completa de sono evita que o organismo desacelere a produção de hormônios do crescimento, o GH, e leptina (hormônio responsável pelo controle da ingestão alimentar). E com isso, evita o aumento de peso. “A leptina, que ajuda a controlar o apetite, é produzida durante a noite. Ou seja, se a pessoa não dorme, não produz, come mais e engorda”, avalia Yonekura.
Dores, stress, ansiedade e mudança de fuso horário, em geral, prejudicam uma noite de sono. E o “problema” pode ser potencializado por alimentos à base de cafeína. “A cafeína age no organismo por até seis horas. Portanto, se for consumida pouco tempo antes de ir para a cama, pode prejudicar o sono”, afirma Liliane Opperman, nutróloga. E apenas uma noite mal dormida pode desencadear um problema crônico de insônia. “No dia seguinte à noite que passou acordada, a pessoa vai ficar fraca e, para melhorar, vai comer mais. Assim, o estômago ficará sobrecarregado e o sono será afetado novamente”, comenta Liliane.
Ingerir chás calmantes e leite ajuda a driblar a falta de sono. “Chás de cidreira, hortelã, erva doce e folha de maracujá ajudam a relaxar, bem como o leite morno”, sugere a nutróloga.

Detesta Acordar Cedo e Rende Mais à Noite? Talvez Você Faça Parte da Sociedade-B.




Rendimento baixo e produtividade zero durante a manhã para pessoas B
Foto: Reprodução da internet

Rendimento baixo e produtividade zero durante a manhã para pessoas B
REPRODUÇÃO DA INTERNET


RIO — Você é do tipo de pessoa que só desperta de verdade após às 10h, 11h ou que tem as melhores ideias durante a madrugada? Se sim, não se preocupe, você não está sozinho. Um grupo de profissionais mundo afora que têm dificuldades para se enquadrar no turno tradicional de trabalho começa a lutar por horários alternativos.

Estas pessoas fundaram a chamada Sociedade-B, uma organização com adeptos e estudiosos em mais de 50 países, que acreditam que as pessoas têm ritmos biológicos distintos e, por isso, empresas e escolas devem oferecer horários diferenciados para esse público.

Segundo a organização, trabalhar um longo período fora do seu ciclo natural pode causar problemas de saúde, como depressão, estresse e uso de medicamentos para repor a falta de sono, além da queda na produtividade nas tarefas profissionais.

Com base em pesquisas cronobiológicas, o grupo defende que os indivíduos têm diferentes ciclos durante o dia e que a definição do tipo A ou B é genética. Enquanto a primeira, geralmente, está acordada entre 6h e 22h e tem o pico de energia antes do meio-dia, a segunda (B) funciona de 9h à 1h e tem seu melhor rendimento durante a tarde.

De acordo com o site b-society de 15% a 25% da população é B, e de 10% a 15% são A. O restante têm uma leve tendência a se adequar a um dos dois tipos.

O cronobiólogo Till Roennberg, que mapeou mais de 125 mil pessoas e escreveu o livro “Tempo Interno”, dá algumas dicas para quem é do tipo B, mas trabalha em empresas com horário tipo A: tomar sol durante o dia, um bom café da manhã antes de trabalhar e comer fora podem ajudar a melhorar a saúde e o mau humor pela manhã.

Algumas escolas na Europa já fizeram testes para verificar o rendimento de alunos e percebeu-se que o desempenho é melhor quando eles fazem provas dentro do “seu horário”, por exemplo. Na Dinamarca, uma escola introduziu horários flexíveis e seus estudantes podem escolher entre fazer trabalhos das 8h às 10h ou das 14h às 16h. Os resultados, segundo eles, têm sido positivos.

Feliz Dia Dos Avós!!!

Delírios de Mim Mesma!!!

Hoje é dia da vó né? E eu não poderia deixar essa data passar em branco aqui na minha página.

Minhas avós são dois espetáculos!!! Cresci convivendo mais com a mãe do meu pai, e já na juventude é que passei a conviver mais com a mãe da minha mãe.
Aprendi muito com as duas e sou grata por cada minuto na companhia delas, conversando, sorrindo, brincando e aprendendo sempre!!!
FELIZ DIA DA VÓ minha velhinhas lindas!!!

quarta-feira, 24 de julho de 2013

As Manias Mais Bizarras Dos Escritores.


Clique nas imagens para ampliá-las. 


Fonte: Revista Mundo Estranho - SP - 01/08/2013

Endometriose.

Drauzio Varella
Há mulheres que comem o pão que o diabo amassou, quando chega a menstruação. Sentem dores fortes, mal estar e muita irritação.
Muitas delas são portadoras de endometriose, mal que acomete pelo menos 5% a 10% das que estão em idade reprodutiva. No caso das adolescentes com esses sintomas; esse número pode atingir 40% a 50%.
O que caracteriza a endometriose é a presença de implantes de um tecido bastante semelhante ao endométrio (a camada que reveste a parte interna do útero) na cavidade abdominal ou nos ovários.
O quadro clínico é caracterizado pela tríade: dor crônica na região pélvica, infertilidade e dor à penetração profunda durante as relações sexuais. Podem ocorrer ainda alterações do ritmo digestivo e urinário durante o período menstrual.
Apesar dessa sintomatologia, estudo feito no Hospital das Clínicas de São Paulo pela equipe do Dr. Maurício Abrão mostrou que, em 44% dos casos, o diagnóstico só é feito cinco anos ou mais depois dos primeiros sintomas.
Há fatores genéticos envolvidos na gênese: mulheres com familiares portadoras de endometriose têm risco sete vezes maior de desenvolvê-la.
O distúrbio pode instalar-se como consequência de alterações anatômicas ou bioquímicas.
É exemplo de endometriose relacionada a alterações anatômicas, a que surge em jovens portadoras de obstruções vaginais que dificultam o fluxo menstrual, forçando os restos de endométrio a percorrer o caminho retrógrado, em direção às tubas uterinas, aos ovários e à cavidade abdominal.
Constituem exemplo de alterações bioquímicas, os casos ocorridos entre mulheres que foram expostas durante a vida intrauterina a doses altas de estrógenos, administradas a suas mães.
Existem três formas principais da doença: peritonial (quando os implantes se estabelecem na superfície interna da cavidade pélvica e dos ovários), endometriomas (quando surgem cistos ovarianos complexos revestidos por tecido endometrioide) e nódulos retovaginais (quando o tecido endometrioide forma nódulos sólidos no espaço entre o reto e a vagina).
Há quatro hipóteses principais para explicar a endometriose:
1) Fragmentos do endométrio que deveriam ser eliminados pela menstruação fariam o trajeto retrógrado na direção da cavidade abdominal;
2) As lesões surgiriam na cavidade abdominal como resultado da persistência de células primitivas, que se diferenciariam em tecido semelhante ao do endométrio;
3) As células endometriais presentes no líquido menstrual migrariam para a cavidade abdominal através dos vasos sanguíneos ou linfáticos;
4) Células-tronco da medula óssea cairiam na circulação e se diferenciariam em tecido endometrioide formando os implantes pélvicos.
Há evidências de que a repetição dos ciclos ovulatórios tenha importância na formação e persistência dos implantes, uma vez que os sintomas geralmente desaparecem na menopausa, a multiparidade está associada à diminuição do risco de desenvolver a doença e a inibição da função ovariana com medicamentos reduz as dimensões dos nódulos, evita novos implantes e alivia os sintomas.
O diagnóstico é feito a partir das queixas, do exame ginecológico (que pode revelar a existência de nódulos entre a vagina e o reto, ovários aumentados e dolorosos ao toque) e do ultrassom. Implantes menores situados na cavidade abdominal podem ser visualizados pela laparoscopia.
O tratamento clínico pode ser feito com o uso da pílula anticoncepcional (contendo estrogênio e progesterona ou apenas progesterona), através da inibição da função ovariana ou do emprego de drogas pertencentes ao grupo dos inibidores da aromatase, enzima importante para a formação de estrogênio.
O tratamento cirúrgico quase sempre é feito pela laparoscopia que permite retirar os implantes ou vaporizá-los por meio de raios laser ou aplicação de corrente elétrica. Cirurgias convencionais são indicadas apenas em casos selecionados.

terça-feira, 23 de julho de 2013

Kate e William Apresentam ao Mundo o Bebê Real. Veja Ainda O Look Das Mamães Reais.


O casal posou para o batalhão de fotógrafos posicionado há quase um mês em frente ao hospital St. Mary's, no centro de Londres, onde nasceu nesta segunda-feira o 3º herdeiro na linha de sucessão ao trono da Grã-Bretanha.

Príncipe William e Catherine, duquesa de Cambridge mostra seu filho recém-nascido para a mídia do mundo, do lado de fora do Hospital de Santa Maria, em Londres

Kate Middleton e o príncipe William apresentaram o bebê real ao mundo nesta terça-feira pouco depois das 19h (horário local, 15h no horário de Brasília). O terceiro herdeiro na linha da sucessão ao trono da Inglaterra foi recebido com uma saraivada de flashes do batalhão de fotógrafos e gritos de curiosos posicionados em frente ao hospital St Mary's, no centro de Londres, onde a duquesa de Cambridge deu à luz o bebê real nesta segunda-feira. Sorridente, o casal acenou a todos. O bebê saiu nos braços da mãe e depois passou ao colo do pai, que comentou com bom humor a cabeleira do herdeiro. "Ele se parece com a mãe, felizmente. E tem muito mais cabelo do que eu." Em seguida, o casal voltou para dentro do hospital para buscar sua bagagem. William assumiu o volante, depois de acenar mais uma vez à multidão de fotógrafos e curiosos que cercava o St. Mary's.
Em nova tentativa de parecer uma família normal, Kate disse ao público, diante do hospital, que "qualquer família" entende o que eles estão sentindo agora. Quanto ao nome, não houve anúncio. Os ingleses apostam que o bebê será batizado como George ou James. Segundo comunicado oficial, William e Kate seguem nesta terça-feira com o filho para o Kensington Palace, o endereço oficial do casal desde o início do ano. 
Horas antes de o casal deixar o hospital, a cabeleireira responsável pelas cabeças de Kate, William e Harry foi ao St. Mary's munida de bagagem, de uma cadeirinha de bebê e do que parecia ser um vestido para a mãe mais famosa do momento.  Amanda Cook Tucker, 50, que trabalha há anos para a família real e atende Kate em casa, levou também uma assistente, de acordo com o site do tabloide britânico Daily Mail. A imprensa inglesa estima que ela cobre diária de 300 libras (cerca de 1.000 reais), mais os custos de deslocamento.
Visitas -- Pouco depois da cabelereira, o príncipe Charles foi ao hospital acompanhado da mulher, Camilla. Mas não foram os primeiros parentes a visitar o bebê: antes passaram por lá os pais de Kate, Michael e Carole. Os dois chegaram por volta das 15h (11h no Brasil), em um táxi preto, e foram recebidos pelo médico Jonathan Ramsay. Eles sorriram e posaram para fotos dos paparazzi que se amontoam em frente à maternidade, antes de entrar.
O bebê real, que já vem sendo chamado pela imprensa britânica de Baby Cambridge (Bebê Cambridge), pelo fato de sua forma de tratamento ser "Sua Alteza Real Príncipe (nome) de Cambridge", nasceu nesta segunda-feira, com cerca de 3,7 kg. A mãe, Kate, passa bem, mas ainda não se sabe se deixará o hospital no final desta terça ou se passará mais uma noite em observação.

O look das mamães reais

Beatriz Guilhermina Armgard

A rainha da Holanda, Beatriz, seguiu o protocolo da realeza e se vestiu formalmente para apresentar o primogênito Guilherme ao mundo, em 1967. O vestido de corte reto foi adornado com um colar de pérolas e, nos cabelos, uma casquete de penas. 

Lady Di


Lady Di apresentou o futuro papai real ao mundo em 1982. A cara de assustado do pequeno príncipe William foi uma reação à saraivada de flashes que o acompanharia por toda a vida, mas poderia ser espanto devido ao penteado usado pela mãe. A data da foto, em plena década de 1980, anos de equívocos na moda, eximiu a princesa de qualquer responsabilidade sobre a atrocidade fashion.  

Elizabeth II

A rainha Elizabeth II posou toda orgulhosa com seu primogênito príncipe Charles na foto oficial de nascimento do vovô real, em 1948. A mais nova bisavó da Inglaterra seguiu à risca o protocolo formal da ocasião e vestiu até um chapéu. A escolha pelo casaco pesado é explicada pelo mês de nascimento do bebê Charles, novembro, em pleno outono europeu. 

Caroline de Mônaco

Pouco afeita às formalidades da realeza, a princesa Caroline de Mônaco escolheu um modelito despojado chique para apresentar ao mundo seu primeiro filho, Andrea, em 1984. 

Elena de Bourbon

A princesa Elena de Bourbon abriu mão de toda pompa da ocasião quando se deixou ser fotografada pela primeira vez com o recém-nascido Felipe, ao lado ao pai, o rei Juan Carlos de Espanha, e de seu marido na época, o empresário Jaime de Marichalar. 

Rânia al Abdullah

Ícone fashion, a princesa Rânia al Abdullah, da Jordânia, não decepcionou seus súditos e apareceu toda produzida na ocasião em que mostrou o recém-nascido Hussein publicamente pela primeira vez.

Silvia, da Suécia

A rainha Silvia, da Suécia, inovou e aderiu ao estilo hippie dos anos 1970 para posar com a filha Vitória, em 1977. Ela vestiu uma bata branca e posou para as fotos oficiais da sua estreia na maternidade. 

Llala Salma

De trajes típicos, a princesa do Marrocos Llala Salma apresentou ao mundo seu primogênito, Moulay Hassan, em 2003, ao lado do marido, o rei Mohammed VI.